Obter crédito com Problemas Bancários

O seu histórico bancário é talvez o aspecto mais importante das suas finanças. Quando chega a hora de fazer uma compra grande ou precisa de financiamento pode deparar-se com algumas contrariedades. No passado, esta era uma tarefa difícil ou impossível, mas hoje tem mais opções de créditos.

dor de cabeça

Controle os seus danos

Sabendo que a sua situação com a banca está em terreno movediço, se não sabe exatamente o que o credor irá ver no relatório, aconselho a que, a fim de obter um crédito deve ser pró-ativo. Solicite uma cópia do seu relatório bancário e gaste tempo a analisar os detalhes. Provavelmente irá encontrar informações de que estava ciente, mas poderá também descobrir erros. Tente descobrir se a empresa irá fornecer-lhe uma carta a dizer que pagou a dívida em troca do montante total devido. Essa carta pode ajudar nas suas hipóteses de aprovação do crédito.

Reúna a sua documentação

As pessoas necessitam de crédito pelas mais variadas razões. Se precisa de obter um crédito por circunstâncias atenuantes, certifique-se de ter provas disso. Apesar de o credor não se limitar ás contrariedades que possam existir, pode mostrar uma bom motivo por não pagar as suas dívidas a tempo. Perda de emprego, lesão, doença, morte de um membro próximo da família são todas circunstâncias possíveis, onde o credor pode ter uma margem de manobra.

Agir com honestidade e integridade

Só porque quer obter um crédito com problemas bancários, não significa que é uma pessoa má. A menos que tenha o propósito de pedir financiamento com a intenção de incumprimento sobre o credor, não há razão alguma para esconder o seu estado. Ser aberto e honesto com o seu representante do cédito é vital. As razões que o levaram a uma situação de incumprimento são bastante importantes.

Por outro lado, deve sentir que o credor está agindo de forma responsável durante todo o tempo que dure o crédito. Se tem a impressão de que o credor não está a ser correcto consigo porque quer obter um crédito tendo problemas bancários, retire a sua candidatura e procure um novo credor. Ter problemas bancários não dá a ninguém o direito para tratá-lo mal.

Leave a Reply